Agora é oficial. O que é um mero pensamento de alguns, agora é confirmado, nem que seja apenas de forma estatística. Com mais de uma dezena de épocas na Juventus, já desceu de divisão, já ganhou títulos, já perdeu finais europeias, já fez de tudo no clube. E agora junta-se aos maiores na história do clube.

Ainda é considerado o guarda-redes mais caro da história do futebol, numa transferência com valores inéditos na época, e hoje atingiu um momento de orgulho (mais um) com 37 anos de idade. Atingiu a marca dos 50 000 minutos de jogo na Juventus, passando Del Piero e até o seu “pai” da baliza italiana e da Juve… Zoff!

É mesmo caso para dizer, maior que Buffon não existe… Uma lenda viva! E ele não pensa pendurar as luvas tão cedo, portanto o recorde vai ser muito bem reforçado, se tudo correr bem!

Facebook Comments