O equipamento do “Pijama Boy” húngaro, Gábor Király, vai fazer parte de uma coleção desportiva na sua cidade natal.

Sem Gábor Király em campo, veterano guardião da seleção da Hungria, o Euro 2016 perdeu uma parte importante do seu atrativo.

Contudo, depois da boa prestação da equipa húngara no Europeu deste ano e de as calças do seu guarda-redes se terem tornado um verdadeiro sucesso, a cidade natal de Király nem sonha em esquecer o seu “pijama boy”!

Em Szombathely, as calças utilizadas por Király no Euro 2016 vão passar a estar expostas num museu local, juntamente com a sua camisola e as suas luvas.

Também estará em exposição uma camisola do Hertha Berlín, clube representado pelo guardião húngaro desde 1997 a 2004.

Király nasceu em 1976 e começou a sua carreira no clube local do Haladás (clube que representa atualmente), até que em 1997 se transferiu para a equipa da capital alemã.

Com 40 anos de idade, Gábor Király foi o futebolista mais velho a jogar num Europeu de futebol… E provavelmente um dois mais espetaculares guarda-redes que participaram no historial da competição.

Facebook Comments