O veterano guardião Fernando Prass, do Palmeiras, sofreu um duro golpe antes do início das Olimpíadas do Rio de Janeiro, realizadas no passado mês de Agosto.

Pela primeira vez convocado para defender a baliza brasileira numa competição olímpica, Fernando Prass sofreu uma lesão no cotovelo dias antes do início dos Jogos do Rio, o que levou ao seu afastamento da seleção canarinha. Fora das opções e em modo de recuperação, Prass acabou por ver a sua equipa tornar-se campeã olímpica e conquistar a medalha mais desejada do torneio.

bestsellers-mrec

Agora, e depois do sucesso da seleção do Brasil, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) luta com o COI (Comité Olímpico Internacional) para conseguir uma medalha de ouro a mais, a fim de prestar homenagem ao experiente guarda-redes de 38 anos.

A CBF vai solicitar mais uma medalha ao COI para prestigiar Fernando Prass, que não foi esquecido pelos demais jogadores na conquista do ouro no confronto frente à Alemanha, no estádio do Maracanã.

A confederação espera uma resposta do comité para dar a Fernando Prass o estatuto definitivo de medalhista olímpico.

 

Facebook Comments