A má notícia chegou a Carrasso. No jogo de sábado, dia 23 de Janeiro, o Bordéus jogava no estádio do Nantes, quando aos 70 minutos, o guardião do Bordéus, Cédric Carrasso, se lesionou sozinho num lance de jogo. Foi imediatamente substituído e o prognóstico de lesão acabou-se por confirmar no dia seguinte… Ruptura dos ligamentos cruzados do joelho esquerdo.

A transmissão de coragem por parte do seu clube - Foto retirada do Facebook oficial do FC Girondins de Bordeaux

A transmissão de coragem por parte do seu clube – Foto retirada do Facebook oficial do FC Girondins de Bordeaux

A lesão do que era, até à data, o guarda-redes titular do Bordéus e dos melhores a atuar em França, faz com que o jovem de 20 anos, Jérôme Prior, seja o substituto imediato, a menos que o Bordéus consiga recrutar um guarda-redes antes do final do mês, altura em que encerra o período de inverno para transferências.

É já a segunda lesão contraída por Carrasso nos ligamentos cruzados do joelho esquerdo, depois de no ano de 2003, ainda no Marselha, também se ter lesionado no mesmo local.

O guardião de 34 anos enfrente agora um longo período de recuperação e poderá mesmo falhar o início da próxima época.